sábado, 25 de outubro de 2014

[Resenha ] O Dia Seguinte @intrinseca

Título Original : The Aftermath
Título no Brasil : O Dia Seguinte
Autor : Rhidian Brook
Editora Intrínseca
Número de págs : 270







Tão bom quando pegamos um livro que nos desperta, nos coloca dentro da história e a cada página lida estamos ali, vivendo com o autor sua história, respirando os ares de uma guerra que assassinou milhões e que durou 12 anos!
Em " O dia seguinte" a família do Coronel britânico Lewis está se mudando para Alemanha, no pós guerra russos invadiram o país terminando a guerra de Hitler mas estupraram várias alemãs e deixaram um rastro de ódio. Os ingleses chegam para reconstruir outras partes, incluindo a educação do país. Famílias alemãs  tinham que sair de suas casas para dar lugar para família inglesas indo para um alojamento. Na casa em questão Lubert é um viúvo que era arquiteto e morava com a filha Frieda e três empregados, com a  casa sendo escolhida como moradia da família do Coronel Lewis ele se prepara para sair.
A esposa do coronel é uma mulher linda e rancorosa, Rachael perdeu seu filho mais velho na guerra, uma bomba alemã explodiu próximo ao garoto e ela nunca se refez da dor. Edmund, o mais novo, está de mudança com ela , e assim como seu pai não vê os alemães como os culpados, mas sim uma parcela do povo.
Diferente de todas as regras, Lewis pede para Lubert não saia da casa já que há espaço suficiente para todos, Lubert aceita . Rachael não entende como o marido pode ainda ter compaixão com essa gente, que ela abomina e acredita que atrocidades tem que ser pagas na mesma moeda.
Em mundo onde Hitler exterminou judeus, russos estupravam alemãs para vingar-se quando ganharam a Guerra e os ingleses prendiam os culpados, Lubert será investigado se teve alguma participação no nazismo, se comprovado será preso, se inocente poderá voltar a exercer sua profissão. 
São relatos de alemães graduados e tão vítimas de Hitler quanto qualquer um pois eram obrigados a seguirem ordens , passando fome e tendo que trabalhar em profissões que não as suas , Brook, nos dá de presente uma história precisa, onde baseada em fatos reais ou não , sabemos que aconteceu com alguém, que a dor de muitos foi sentida, de ambos os lados, e no livro não há inocentes e culpados mas pessoas de duas nacionalidades que tiveram suas famílias separadas ou a perda de um ente querido para guerra.

O impossível ocorre, e Rachael vai ver que nem todo alemão não vale nada. E no final , qualquer pessoa pode perceber que a esperança acontece quando menos esperamos tê-la. Sensacional, do início ao fim.


E para quem gostou, dá uma olhada na fanpage que tem promo rolando ;) 

7 comentários:

  1. Raffa, eu sempre gosto de ler livros relacionados a historia mundial principalmente quando tem um enredo que nos prende, quando parece que você esta vendo tudo o que esta acontecendo ... Foi muito triste a realidade do pós guerra, o que aconteceu com os sobreviventes...
    Vou dar uma olhada na fanpage sim !! ;)
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Estes livros sobre a guerra, nazismo...sempre são boas pedidas para quem gosta do tema. Eu amo,mesmo sofrendo demais neles. A crueldade impressa, o não confiar..que parece ser a base desta história acima.
    Não conhecia o livro, mas adorei o que li e procurarei para ler!
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Oi, Raffa!!!
    Quero muito, quero muito, quero muito!
    Amei a história... Esse período sempre me atrai. As histórias são sempre tristes, sofridas e trágicas mas são sempre tão recheadas do "humano" que é impossível não gostar.
    Seu texto tá muito show!
    Beeeeeeeeijo

    P. S. Tenho vindo aqui a toque de caixa amiga mas é por conta da loucura do dia a dia... fim do ano chegando as escolas ficam bem loucas e a gente por tabela...hahahah mesmo assim não te largo ;D
    Beeeeeeijo

    ResponderExcluir
  4. Adorooo livros com esse tema..apesar de ser um tema forte,sempre procuro livros sobre o assunto...participando da promo \o/

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. A-DO-RO livros que tratem sobre essa época da segunda guerra, é um dos meus assuntos preferidos e com certeza eu me interessei por esse livro. Parece ter uma bela lição de quem nem todas as pessoas são ruins e culpadas.

    ResponderExcluir
  6. Que livro bom!!! Historias de Guerra, quando bem contadas, são sempre muito bem vindas e essa capa está maravilhosa! Mas um livro bom que a Intrinseca está lançando, já quero o meu!

    ResponderExcluir
  7. Nossa, não curto tanto livro de guerra, mas eu gostei muito da sua resenha. Bjus

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para mim! Me diga o que achou dessa postagem e se quiser que eu visite seu blog, informe o abaixo de sua assinatura ;)