quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Menina que via Filmes: Invasão ao Serviço Secreto [Crítica]

Título em inglês : Angel has fallen
Título em português: Invasão ao Serviço Secreto
Data de lançamento 14 de novembro de 2019 (2h 01min)
Direção: Ric Roman Waugh
Elenco: Gerard Butler, Morgan Freeman, Lance Reddick 
Gênero Ação
Nacionalidade EUA
por Bianca Silveira


Sinopse: Dedicado e sempre focado em seu trabalho, o agente do Serviço Secreto, Mike Banning (Gerard Butler) vê sua vida mudar completamente da noite para o dia ao ser acusado de conspirar para o assassinato do presidente dos Estados Unidos. Quando percebe que todos estão atrás dele, Mike corre contra o tempo para descobrir o que realmente aconteceu enquanto foge de outros agentes.

Crítica

Invasão a Casa Branca ( 2013) seguido por Invasão a Londres 
( de 2016) foram um sucesso na franquia que chega agora ao seu 3º filme, e que ainda não sabemos se será o último ou se insistirão no papel mais Duro de Matar de Gerard Butler. O filme já começa com cenas de ação eletrizantes, mas logo descobrimos que se trata de uma simulação. Mas isso já dá indícios de como serão as próximas cenas. Á frente mais uma vez como citado acima temos o astro  Gerard Butler (um dos poucos que sobrou dos filmes anteriores juntamente com Morgan Freeman) como o agente do Serviço secreto americano que é acusado de conspiração do assassinato do então presidente do país,  interpretado por Freeman.
Como na continuação da franquia só sobraram dois dos antigos personagens, novos foram introduzidos ao filme como é o caso de Hellen Tompson (Jada Pinkett Smith) agente do FBI responsável por investigar Mike Banning (Gerard Butler). Outro novo personagem é Clay Banning (Nick Nolte, que estava sumido dos filmes) pai de Mike mostrando um pouco de seu passado até então desconhecido do público.

Menina que via Filmes: As Panteras [Crítica]

Título Original:  Charlie's Angels
Título no Brasil: As panteras
Data de lançamento 14 de novembro de 2019 (1h 59min)
Direção: Elizabeth Banks
Elenco: Kristen Stewart, Naomi Scott, Ella Balinska 
Gêneros Ação, Comédia
Nacionalidade EUA

por Letícia Nascimento

Se você acha que  essa crítica  terá algum ponto negativo sobre “As Panteras”, talvez essa crítica  não seja para você.
As Panteras é o novo filme da Sony e produzido pela maravilhosa Elisabeth Banks e também é o primeiro filme da adaptação  a ser dirigido por uma mulher. O filme que já começa no Rio de Janeiro ao som de Anitta, onde Sabina ( Kristen Stewart) precisa capturar um grande negociador mas,  conta com ajuda de outra Pantera Jane.
De início Jane ( Ella Balinska) não vai com a cara de Sabina, mas mal sabe ela que terão que trabalhar juntas. Do outro lado,está Elena (Naomi Scott) uma cientista que preparou uma nova tecnologia poderosíssimo calisto, mas que contém erros que podem ser fatais ser cair em mãos erradas e uma ameaça a toda humanidade.

Séries que Amamos: Absentia - 1ª e 2ª temporada [Crítica]



Título Original: Absentia
Título no Brasil: Absentia 
Desde 2017 / 40min / 2 temporadas
Drama, Suspense
Direção: Matt Cirulnick, Gaia Violo
Elenco: Stana Katic, Patrick Heusinger, Neil Jackson
Nacionalidade: EUA
Onde Assistir: Amazon Prime Video

Por Luciana Machado


Sinopse: Emily Byrne (Stana Katic) é uma agente do FBI que assume a difícil missão de capturar um dos assassinos mais perigosos de Boston, mas, durante as investigações, ela acaba desaparecendo sem deixar pistas. Seis anos depois, ela é encontrada quase sem vida e sem memória dentro de uma cabana no meio da floresta. Ao voltar para a sua vida normal, no entanto, Emily descobre que além de seu marido ter se casado com outra mulher, levar uma vida longe de casos criminais será um sonho distante para ela.

Menina que via Filmes: Ford Vs Ferrari [Crítica]

























Titulo Original: Ford vs. Ferrari
Data de lançamento 14 de novembro de 2019 (2h 33min)
Direção: James Mangold
Elenco: Matt Damon, Christian Bale, Caitriona Balfe mais 
Gêneros: Biografia, Drama
Nacionalidade: EUA
Por Gabriela Leão



Caroll Shelby é um piloto de corrida aposentado, trabalhando como designer de carros, que mantém uma amizade improvável com Ken Miles, mecânico e também piloto, um dos melhores, que tem dificuldades em alcançar sucesso devido à sua personalidade forte. Quando Henry Ford II decide por participar das corridas automobilisticas com carros da Ford Motor Company, é Shelby, junto de Miles e o resto de sua equipe, quem chama para construir o novo veículo, tendo como principal objetivo derrotar a Ferrari nas 24 horas de Le Mans.

terça-feira, 12 de novembro de 2019

Menina que via Filmes: Dora e a Cidade Perdida [Crítca]


Título original: Dora and the lost city of gold
Título no Brasil: Dora e a cidade perdida
Roteiro: Nicholas Stoller, Mathew Robinson
Autor da obra original: Chris Gifford, Valerie Walsh, Eric Weiner
Distribuidora: Paramount
Elenco: Isabela Merced, Michael Peña, Eva Longoria, Adriana Barraza, Temuera Morrison, Jeffrey Wahlberg, Nicholas Coombe, Madeleine Madden, Q'Orianka Kilcher, Eugenio Derbez, Christopher Kirby, Danny Trejo, Benicio Del Toro, Madelyn Miranda, Malachi Barton.
Data de lançamento no Brasil:  14 de novembro de 2019
por Larissa Rumiantzeff

Imagina se fizessem um filme de super-herói com os Teletubbies. Ou um live-action de ação com “O mundo da Luna”. De repente, “Amigãozão” com animais em CGI. Tão louco que chega até a ser meio bom, né? No mínimo te desperta uma curiosidade do que vai dar. Esta foi a sensação que eu tive ao ver o trailer de “Dora e a cidade perdida” um filme live-action feito a partir do desenho infantil educativo “Dora a aventureira”, que lembra muito Indiana Jones.