domingo, 17 de junho de 2018

Menina que via Filmes: Eu Só Posso Imaginar [Crítica]





















Título Original: I Can Only Imagine
Título no Brasil: Eu Só Posso Imaginar
Data de lançamento 31 de maio de 2018 (1h 50min)
Direção: Andrew Erwin, Jon Erwin
Elenco: Dennis Quaid, J. Michael Finley, Cloris Leachman mais
Gêneros Drama, Biografia

Nacionalidade EUA
#82
por Raffa Fustagno

Era para eu ter ido na cabine de imprensa do filme mas acabei não podendo ir e assisti o filme em um final de semana com minha mãe. Não é que foi ainda melhor? Saímos do cinema muito emocionadas com essa linda história de não desistir por seus sonhos.
Baseado na história real do vocalista da banda gospel americana MercyMe, o filme conta como Bart Millard ( o ótimo ator J. Michael Finley) teve uma infância sofrida. Morando no interior seu pai não gostava que ele sonhasse, dizia que sonhos não pagam as contas, interpretado pelo excelente Dennis Quaid, o pai dá ódio no público boa parte do filme.

Menina que via Filmes: Toro [Crítica]




























Título Original: Toro
Título no Brasil: Toro
Ano de lançamento: 2016
País: Espanha
Direção: Kike Maíllo
Elenco: Mario Casas, Luis Tosar, José Sacristán, Claudia Canal
Formato Visto Netflix
#81

por Raffa Fustagno

Já aviso que esse longa espanhol é muito violento, se você anda fugindo de filmes que lembrem nosso noticiário então esse filme não é uma boa pedida. 
Toro ( Mario Casas) é um bandido que pretende se aposentar da função e parar de trabalhar para o importante mafioso Romano ( José Sacristán). Quando tudo está indo bem ele é preso no que seria seu último trabalho para o chefe.
Na cadeia por bons anos ele não entrega nenhum de seus comparsas, o que faz com que seu irmão mais velho López ( Luis Tosar) continue vivendo do crime sem nem lembrar que o irmão existe. Toro só se importa agora em casar com a professora Estrella ( Ingrid Garcia Jonsson) que tem visto e feito planos durante suas saídas da cadeia já que está em prisão condicional.

Menina que via Filmes: Abzurdah [Crítica]


Título Original: Abzurdah
Título no Brasil: Abzurdah
Direção: Daniela Goggi
Elenco: María Eugenia Suárez, Esteban Lamothe, Gloria Carrá mais
Gêneros Drama, Romance, Biografia

Nacionalidade Argentina
Formato visto: Netflix
#80
por Raffa Fustagno
 A CRÍTICA TEM SPOILERS
A história desse filme é baseada no livro de mesmo nome lançado no Brasil pela Editora Planeta mas já fora de catálogo - talvez vocês o encontrem somente na Estante Virtual- escrito por Cielo Latini. Trata-se de uma biografia contando um período autodestrutivo da protagonista, e não é ficção de acordo com a autora.
Em formato de filme ele ganhou um roteiro de Alejandro Montiel e de Daniela Goggi, que não fazem feio na adaptação porque o filme é bem interessante, mas aqui já aviso que nunca li o livro, portanto, toda minha visão é somente do filme.
Cielo ( Maria Eugenia Suaréz) é uma jovem linda com seus 15 ou 16 anos que está insatisfeita com tudo ao seu redor. Comum para idade, ela tem pais casados mas não gosta do formato controlador de sua mãe, seu pai ( interpretado pelo ótimo Rafael Spregelburd) é o lado light da relação pai e filho, sempre tentando fazer com que a menina não se sinta tão presa. 

Menina que via Filmes: O PODER DE DIANE I FESTIVAL VARILUX 2018



Título Original: Diane a les épaules Título no Brasil: O Poder de Diane Direção: Fabien Gorgeart Elenco: Clotilde Hesme, Fabrizio Rongione, Thomas Suire mais Gênero Comédia Nacionalidade França
#90
por Raffa Fustagno


CUSTÓDIA I FESTIVAL VARILUX 2018 I CRÍTICA



Título Original: Jusqu’à la Garde Título no Brasil: Custódia Data de lançamento 5 de julho de 2018 (1h 33min) Direção: Xavier Legrand Elenco: Denis Ménochet, Léa Drucker, Mathilde Auneveux mais Gênero Suspense Nacionalidade França
#88
por Raffa Fustagno