sexta-feira, 6 de abril de 2018

Menina que via Filmes: Covil de Ladrões [Crítica]

Título Original: Den of Thieves
Título no Brasil: Covil de Ladrões
Data de lançamento 5 de abril de 2018 (2h 20min)
Direção: Christian Gudegast
Elenco: Gerard Butler, Pablo Schreiber, Curtis '50 Cent' Jackson mais
Gêneros Suspense, Policial
Nacionalidade EUA
#34














por Bianca Silveira

Muito tiro, porrada e bomba (essa nem tem), Covil dos ladrões tem tudo o que os fãs de ação gostam.  A trama não é nova, um grupo de assaltantes de banco rouba um carro forte e acaba chamando a atenção da polícia de Los Angeles pois o carro forte roubado está vazio. Na verdade os bandidos planejam um outro mega assalto ao banco mais vigiado de Los Angeles e o carro forte faz parte dos planos para o próximo assalto. A polícia então começa a investigar. 

Chefiados por Nick (Gerard Butler) que é um policial totalmente maluco e geralmente não levado tão a sério exatamente por seu comportamento intempestivo chegam ao motorista da quadrilha e conseguem arrancar algumas informações dele, mas claro que tudo isso feito de maneiras não oficiais. O grupo de assaltantes de elite tem um plano mirabolante para assaltar o banco super vigiado e praticamente todo o filme se desenrola entre o plano e a investigação da polícia. O filme tenta também mostrar um pouco o outro lado do temperamento de Nick que está passando por um processo de divórcio e que não está aceitando muito bem a situação.

O filme se arrasta durante as 2h20 e o que prometia muitas cenas de ação isso acaba não acontecendo tanto, somente no início e nos últimos 20 minutos em que se desenrola o tão esperado assalto ao banco, o que acaba deixando o filme um pouco devagar. Algo talvez não muito comum no filme é que os policiais chegam a ser tão maus quanto os bandidos. Em determinado momento eu já não sabia mais para quem torcer e geralmente torço para os planos mirabolantes deem certo, mesmo que isso signifique um roubo a banco. Se do lado dos policiais foi mostrado o outro lado de Nick, do lado dos bandidos podemos ver a relação de Enson, vivido por Curtis “50 cent” Jackson, com a família quando sua filha vai para a festa de formatura com seu crush e seu pai junta os amigos para dar uma dura no pobre do menino. 

Gerard “this is sparta” Butler convence bem como o policial descontrolado que pertence a uma gangue de policiais, que trai a esposa e não aceita o divórcio. Convence tão bem que fiquei com raiva mesmo. Outro ponto positivo do filme é o final que não é nada previsível e conseguiu me surpreender. Tirando o tempo excessivo do longa, acho q o filme irá agradar bastante os fãs do gênero.





A minha crítica saiu em vídeo, confiram aqui:

4 comentários:

  1. Mesmo ainda acreditando que Butler nasceu para atuar mais voltado para o lado cômico ou romântico, gosto dele sim, nos filmes de ação(apesar de achar que não combina..rs)
    Mas andei dando uma olhada neste filme estes dias e fiquei bem interessada pra ver. Adoro um bom clichê,com isso de perseguições, assaltos e claro? Uns tirinhos aqui, outros ali.
    Só fiquei meio apreensiva com a duração do filme.Será que precisava de tudo isso?rs
    Verei com certeza.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Uaaaal!
    Amo filmes do gênero e este com toda ctz não posso deixar de conferir, principalmente por conta de Gerard Butler, sou fã do trabalho dle...
    Bjs!!

    ResponderExcluir
  3. Não fiquei muito interessada em ver esse filme.
    Acho que não é pra mim ^_^

    Beijos :)

    ResponderExcluir
  4. Pelo título e pelo pôster, não fiquei nada interessada, mas logo me chamou atenção pelo tema, assalto a banco, em tempos de "Lá Casa de Papel", chama atenção... Kkkkkkkkkk uma pena que tenha achado um pouco devagar, Bianca, mas pretendo dar uma conferida ;)

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para mim! Me diga o que achou dessa postagem e se quiser que eu visite seu blog, informe o abaixo de sua assinatura ;)