segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Menina que via filmes : O iluminado [Crítica]

Título Original : The Shining
Título no Brasil: O iluminado
Baseado na obra de Stephen King
Direção : Stanley Kubrick
Elenco : Jack Nicholson, Danny lloyd, Shelley Duvall, Philip Stone
Gênero : Terror, Suspense
País : Reino Unido
Ano: 1980
Censura : 18 anos
Duração : 2h 26 min





Durante o inverno, um homem (Jack Nicholson) contratado para ficar como vigia em um hotel no Colorado e vai para lá com a mulher (Shelley Duvall) e seu filho (Danny Lloyd). Porém, o contínuo isolamento começa a lhe causar problemas mentais sérios e ele vai se tornado cada vez mais agressivo e perigoso, ao mesmo tempo que seu filho passa a ter visões de acontecimentos ocorridos no passado, que também foram causados pelo isolamento excessivo. 

 Todo fã de terror que se preze vai lembrar de " O iluminado" como um clássico do gênero, além de ser baseado em um livro de Stephen King, o filme ainda foi dirigido por Stanley Kubrick e teve Jack Nicholson no papel de Jack Torrance.
Torrance é um escritor que sem grana topa ir cuidar de um hotel que fica fechado alguns meses do ano devido a neve.
Como o dinheiro seria bom, ele topa ir com a família toda, sua esposa Wendy e o filho Danny para o local. O que a família nem poderia imaginar era que o hotel fosse mal assombrado.
Vi muitas críticas de gente nova dizendo que o filme não é de terror, que de nada assusta, são pessoas que se acostumaram com filmes dos anos 2000,onde  a maquiagem é mais importante do que o roteiro.
" O iluminado" é para quem curte uma boa história com um excelente elenco, que anda afinado e somente as atuações já nos assustam.
 Ao contrário do que muita gente possa pensar, " O iluminado" não é Nicholson, mas sim seu filho no filme que como anos mais tarde faria o menino de " O sexto sentido" também vê gente morta, as cenas em que ele anda de velocípede no imenso hotel as moscas e encontra duas meninas no final do corredor de mãos dadas é um clássico, se hoje o pessoal pode achar que não causa medo, em mim me deixa com medo até hoje.
Imaginem um gigante hotel que está isolado só com os 3 e o pai cada dia mais sinistro? Ele começa a ver pessoas mortas também e a ficar possuído - digamos assim - agindo bizarramente com a família.
 As caras de Nicholson não somente impressionam como nos assustam, ele não precisa de muito para roubar mais uma vez o filme para si, e criar mais um personagem histórico que ficou na memória de todos que viram o filme, até quem nunca viu conhece  a famosa cena que foi capa do filme onde ele coloca o rosto com cara de doido na porta que quebrou para tentar matar sua família.
A atriz que fez a esposa, só lembro dela nesse filme, Shelley Duvall não é de muita beleza e para mim as vezes destoa da qualidade de atuação de Nicholson e de Lloyd, o menino que também sumiu e nunca mais fez filmes ( veja ao lado como ficou o menino nos dias de hoje).
 Não sei quantas vezes já assisti a esse filme, mas sempre me impressiona como uma história bem feita pode marcar gerações. 
" O iluminado" é resultado de um ótimo livro, com um maravilhoso roteiro adaptado, uma perfeita direção de cena, e atuações esplêndidas.
Impossível não gostar desse filme!


 

9 comentários:

  1. Oi, Raffa!!!
    Eu amo O Iluminado! Também já vi e revi trocentas vezes... Concordo contigo com relação à atriz e digo mais ela me assusta em várias cenas só por causa daquela cara assustada que ela faz o tempo todo... ela não variava nada... rs. Talvez a coitadinha estivesse inibida por conta do Nicholson que vamos respeitar seeeeeeeeeeempre rouba a cena. Sou muito apaixonada por ele tanto que até hoje mesmo ele velhinho do jeito que tá... rs eu "pegava" hahahaha Um sorriso maravilhoso e eu acredito que ele deva ser uma personalidade fascinante... *-* Quanto ao menino, eu também achei ele muito bom no filme, muito bom mesmo. Uma pena ele não ter prosseguido a carreira... =\

    Beeeeeeeeeeeeeeeeijo

    ResponderExcluir
  2. Como você sabe tenho medo... Nunca tive coragem de assistir. Quem sabe algum dia. Com certeza as interpretações devem ser show.

    ResponderExcluir
  3. Nunca vi esse filme e nem tinha me interessado muito em ver acredita?? mas agora já mudei de ideia e quero ver logo!!!! já procurando pra baixar!!!!

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Não faz muito meu gênero...me lembro bem desse filme,apesar de gostar bastante da atuação Jack Nicholson e saber que ele fez um ótimo trabalho,não fui capaz de assistir,a capa já me assistou..Bj e tenha um Ano Novo repleto de realizações,amor,saúde e paz.

    ResponderExcluir
  5. Já vi essa versão e a versão q foi feita para passar na tv. A da tv é mais correta e mais bem adaptada com relação ao livro, mas não chega nem perto dessa ai no quesito clima.
    Como vc bem disse, as pessoas de hj pensam q terror é maquiagem e efeitos. Elas esquecem q um bom terror psicológico pode tirar o seu sono de uma maneira bem pior. o_O
    O livro é maravilhoso e super recomendado para fãs de terror ou não. ^^

    ResponderExcluir
  6. Não vi esse filme, mas agora lendo sua resenha, fiquei com vontade ver, porque voce disse tudo, o pior terror é aquele que não aparece, que faz suspense, aquele de cara limpa e com certeza a atuação do Jack roubou a cena, como em qualquer filme que ele participa né! Mesmo com uma ponta de medo, vou pedir pro meu marido trazer esse filme e vamos assistir juntos, ebaaaaa! O livro eu sei que é ótimo, agora vou ver se o filme é tão bom quanto!

    ResponderExcluir
  7. "O iluminado" foi o primeiro livro do King que eu li e foi o que me fez procurar pelos outros. Acho essa história muito boa e a maneira como o autor descreve as ações e conduz as mudanças na personalidade do Jack é realmente incrível.
    Eu também gosto do filme e acho que as atuações trouxeram ainda mais qualidade a ele, ainda mais se levarmos em conta o quanto deve ser difícil interpretar um personagem que chegou a tal estado de loucura que está disposto a matar a própria mulher.
    Embora não seja um filme que assuste, a história em si é aterrorizante, por isso eu sempre vou considerá-la uma das melhores histórias de terror que li e um dos melhores filmes do gênero também.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Eu assisti esse faz muito tempo. Esses dias meu marido pegou o dvd e me chamou para assistir novamente com ele, mas não tive coragem...rs

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para mim! Me diga o que achou dessa postagem e se quiser que eu visite seu blog, informe o abaixo de sua assinatura ;)