domingo, 26 de junho de 2016

[Resenha] Wicked @EditoraLeya

Título Original: Wicked- The life and times of the wicked of the West
Título no Brasil: Wicked
Autor: Gregory Maguire
Editora Leya
Número de págs: 495








Vocês acompanharam quando eu fui assistir a peça Wicked em SP, e nada mais justo do que agora ler o livro na qual a peça foi baseada. Tudo começa quando o casal Melena e Frex esperam um bebê mas então ele nasce completamente verde. 
Claro que levam um susto, o pai não aceita ter uma filha tão estranha assim dos padrões e se pergunta que criatura é aquela que nem chorar, chora quando nasce? Batizam a como Elfaba mas não tem muito apreço pela filha que não mama, que já nasce com dentes e que parece mais um monstro com suas diferenças.
Tudo isso se passa antes de O Mágico de Oz, ou seja, da famosa história de Dorothy que conhecemos. Elfaba cresce e vai para faculdade, onde é hostilizada por todos, acaba conhecendo Glenda que é seu oposto. Linda, amanda por todos e também nem um pouco humilde, elas acabam tendo que dividirem um quarto onde nasce uma amizade duvidosa onde o que no futuro já sabemos que virá a se tornar a Bruxa Boa do Norte ( Glenda) e a Bruxa Má do Oeste ( Elfaba) .
Os desafios vencidos pelas duas em encarar a sociedade de todas as suas formas nos mostram que Elfaba apenas devolveu ao mundo tudo que recebeu desde que nasceu diferente de todos: maldade. Quando sentimos o preconceito na pele entendemos porque é fundamental ser aceito e não se destacar por ser algo que as pessoas não entendem e ainda debocham.
O fato da linda Glenda e da estranha Elfaba disputarem o mesmo rapaz só coloca ainda mais óbvio uma situação que é comum em qualquer local. Geralmente o bonitão da turma se afeiçoa com o que todos veem como uma " sorte grande" estar ao lado, é muito mais fácil do que encarar tudo e todos por um amor que é estranho aos olhos de todos. 
Em certa parte essa história se resume em uma única frase da página 286: " Havia ódio demais nesse mundo, e amor também"

Wicked é para ler e reler, é para guardar na estante como um dos grandes clássicos já lançados. 


2 comentários:

  1. Eu queria muito ver a peça, mas ler o livro está mais próximo da minha realidade ^_^
    Lerei com certeza!!

    Beijos :)

    ResponderExcluir
  2. Copiando a Luh aqui em cima, o livro fica bem mais próximo da realidade..rs Então, irá para a lista de desejados.
    Gosto muito do tema, desse Antes dos contos em si. De como tudo começou. Se bem feito, pode render histórias fantásticas!!
    Beijo

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para mim! Me diga o que achou dessa postagem e se quiser que eu visite seu blog, informe o abaixo de sua assinatura ;)