quinta-feira, 9 de novembro de 2017

[Semana Especial Tartarugas Até lá Embaixo] O que é TOC?















Abordei na resenha do livro e na postagem de apresentação dos personagens de ontem que a protagonista Aza Holmes tem TOC, mas vocês sabem que doença é essa?
O transtorno obsessivo compulsivo (TOC) caracteriza-se por dois tipos de manifestações: as obsessões ou idéias obsessivas e as compulsões ou rituais compulsivos. As obsessões são idéias ou imagens que vem à mente da pessoa independente de sua vontade repetidamente. Embora a pessoa saiba que são idéias suas, sem sentido, não consegue evitar de pensá-las. São freqüentes ideias relacionadas a religião, sexo, duvidas, contaminação, agressão (por exemplo, a pessoa tem idéias repetidas de que suas mãos estão contaminadas por ter tocado em objetos "sujos"). As compulsões são atos ou rituais que o indivíduo se vê obrigado a executar para aliviar ou evitar as obsessões.
Se a pessoa não executa o ato compulsivo ela fica muito ansiosa. Os rituais são repetidos numerosas vezes, apesar da sensação que a pessoa tem de que não fazem sentido. Compulsões freqüentes são lavar as mãos, verificar se a porta está trancada ou a válvula do gás está fechada, questionar uma informação repetidamente para ver se está correta, executar minuciosamente uma série pré-programada de atos para evitar que aconteça algum mal a alguém, contar ou falar silenciosamente. Tanto as obsessões como as compulsões ocupam uma boa parte do tempo da pessoa, prejudicando ou dificultando seu dia a dia. 
Como a própria pessoa reconhece que seus pensamentos ou atos são sem sentido, ela procura disfarçar tais manifestações, evitando conversar sobre esse assunto e relutando em procurar auxilio médico psiquiátrico.
O transtorno obsessivo compulsivo inicia em geral no fim da adolescência, por volta dos 20 anos de idade e atinge cerca de 2 em cada 100 pessoas. A doença pode se manifestar em crianças também. Em geral a doença evolui com períodos de melhora e piora; com o tratamento adequado há um controle satisfatório dos sintomas, embora seja pouco freqüente a cura completa da doença.
Muitos portadores de TOC apresentam também outros transtornos como fobia social, depressão, transtorno de pânico e alcoolismo. Alguns transtornos mentais como a tricotilomania (arrancar pelos ou cabelos), o distúrbio dimórfico do corpo (idéia fixa de que há um pequeno defeito no corpo, em geral na face) e a síndrome de Tourette (síndrome dos tics) parecem estar relacionados ao TOC.
Pesquisas recentes mostram que o TOC é uma doença do cérebro na qual algumas áreas cerebrais apresentam um funcionamento excessivo. Sabe-se também que o neurotransmissor serotonina está envolvido na formação dos sintomas obsessivo-compulsivos. Acredita-se também que as pessoas que tem uma predisposição para a doença, reagem excessivamente ao estresse. Tal reação consiste nos pensamentos obsessivos, que por sua vez geram mais estresse, criando assim um circulo vicioso.
O tratamento do transtorno obsessivo compulsivo envolve a combinação de medicamentos e psicoterapia. Os medicamentos utilizados são os antidepressivos, em geral em doses elevadas e por tempo bastante prolongado. A psicoterapia mais estudada é a terapia comportamental, através da qual o paciente é estimulado a controlar seus pensamentos obsessivos e rituais compulsivos. Outras formas de psicoterapia auxiliam o paciente a lidar com as situações de ansiedade que agravam a doença. ( fonte: Site do Professor Mario Neto)

Alguns famosos já revelaram que tem a doença, confiram abaixo quais deles e o que revelaram que fazem:

Roberto Carlos, chamado por muitos de Rei, é conhecido nos bastidores dos famosos por suas manias e excentricidades.
Algumas delas são: Entrar e sai de um ambiente se for pela mesma porta, não permitir que o carro em que está dê marcha ré, não usa roupas marrons e não assina contratos na lua minguante.
O cantor já fez alguns tratamentos para tratar suas manias.

MEGAN FOX
A atriz e modelo norte-americana Megan Fox possui mania de limpeza ao ponto de achar que tudo está contaminado.

A moça não usa banheiros públicos e talheres de restaurantes.

A cantora e atriz Jennifer Lopez também já revelou que foi diagnosticada, quando vai se hospedar em um hotel,  Lopez  exige que o quarto seja totalmente branco, o que inclui as paredes, os móveis e até pequenos objetos.
WOODY ALLEN
O ator e diretor norte-americano, Woody Allen, possui um verdadeiro pavor da morte.
Por isso, ele busca checar sua pressão arterial a cada 30 minutos, para garantir que está tudo bem.

O próprio autor John Green confirmou mais uma vez em recentes entrevistas pré e pós lançamento de Tartarugas até lá embaixo que convive com o TOC há muitos anos.
 Do nada eu começo a pensar que minha comida está contaminada ou que alguém a envenenou, e de repente esse é o único pensamento que consigo ter. Quando começa a ficar pior, eu posso perder totalmente o controle dos meus pensamentos por um longo período de tempo, ao ponto de não conseguir assistir TV ou ler um livro”, explicou.

O autor ainda falou que decidiu escrever o livro que viria a se tornar Turtles pois queria encontrar uma forma de expressar o que sentia. “Tentei criar uma experiência não sensorial de viver dentro da minha espiral de pensamento”, completou.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para mim! Me diga o que achou dessa postagem e se quiser que eu visite seu blog, informe o abaixo de sua assinatura ;)