quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Séries que amamos: Intersection 1ª a 3ª Temporada [Crítica]

Título Original: kordugum
Título no Brasil: Intersection 
Direção: Gokçen Usta Çaylar,Omer Faruk Sorak, Deniz Yorulmazer
Elenco:  İbrahim Çelikkol, Belçim Bilgin, Alican Yücesoy 
Ano:2016
País:Turquia









por Letícia Nascimento


Sinopse: 

Série turca produzida pela Endemol Shine Turkey e exibida pela Fox Turquia.

Ali Nejat Karasu é um ex-piloto de corridas e um playboy transformado em homem de negócios. Ele dirige Karas Holdings, que é parte de um grupo que seu pai construiu enquanto fazia fortuna na construção de navios. Sua verdadeira paixão ainda é carros e ele sonha em lançar um carro novo. Durante uma viagem de negócios na Itália com seu amigo Ayhan, eles se deparam com Naz, uma encantadora pediatra que faz uma impressão em ambos. Devido à circunstâncias imprevistas, Ali Nejat encontra-se como um único pai para seu filho, anteriormente desconhecido, Kaan. Ao tentar equilibrar sua vida como um novo pai e um empresário, Ali Nejat acaba de se apoiar em Naz para obter ajuda. Naz, a quem Kaan conheceu antes, torna-se uma pessoa importante em sua vida. Umut, o marido de Naz, trabalha como mecânico com Genco em uma pequena garagem local que está lutando para permanecer no negócio. Suas habilidades como designer chamam a atenção de Ali Nejat, que o contrata como designer para o projeto de seu carro. As decisões ruins no negócio continuam assombrando Umut e Genco e causam uma tensão para o casamento de Umut e Naz.


Crítica: 


Eu estava louca por alguma série diferente de tudo que eu já tinha assistido. Quando me deparei com Intersection! Esta é uma série Turca, que foi bem aclamada pela crítica e até foi para Cannes em 2016.
De um tempo para cá eu venho notado que séries turcas estão tendo uma grande visibilidade tanto que na Netflix está com uma grade muito legal de filmes ,séries e novelas. Vale a pena conferir .
Ela começa com Ali Nejat um ex piloto de carros que agora é um CEO na empresa de sua família, mas ainda ama os carros. Em uma viagem ele conhece a doutora Naz, que é casada com o mecânico Umut. Ali Nejat descobre que tem um filho com um romance do passado, e que está muito doente. Diante deste imprevisto, Ali Nejat tem a responsabilidade de criar Kaan. E para isso ele contará com a ajuda da pediatra Naz, desenvolvendo  uma amizade com Kaan, e desse convívio entre os três vai surgindo um sentimento entre Ali Nejat e Naz. 
A série gira em torno também de conflitos familiares e  o mundo de negócios.
A irmã de Ali Nejat, Feyza, que sofreu uma perda muito grande no passado, não consegue superar sua dor e isso causará muita tensão entre irmãos, visto que  Feyza culpa seu irmão pela perda de seu filho. Quando eu vi o primeiro episódio de Intersection confesso que achei que seria um drama comum, mas estou surpresa a cada instante.
E ao mesmo tempo em que a série gira em torno de poder, ela fala sobre o ambiente familiar, ela mostra a consequência da falta de diálogo familiar e que está pode destruir relacionamentos familiares.
A série narra o relacionamento conturbado de Ali Nejat com o pai e com sua irmã, que o culpa pela morte de seu filho, mas também destaca o grande  amor que ele sente por sua irmã. E esse amor é demonstrado de diferentes formas.
A crise no casamento de Naz, as escolhas impensadas que Umunt faz, que afeta tanto seu casamento  quanto sua vida profissional e outras coisas  são desenvolvidas nos episódios posteriores, que seu eu contar vou dar um baita spoiler, hahahha.😉
Sou super  sincera ao falar que no começo eu detestei Ali Nejat (,apesar de ele ser maravilhoso! hahha), mas no final eu o pude compreender e vi que ele carrega uma dor e culpa nele e fiquei feliz por ele e Naz se relacionarem mais triste também ( o porque você só vai descobrir se assistir a série haha).

E não posso deixar de falar do ranço que eu senti do Umut, marido da Naz! Teve horas que me deu vontade de entrar na tela e acabar com ele e mandar a Naz acordar e sair fora desse homem.

São diversos acontecimentos que não vão deixar você se desgrudar da tela! É uma trama de conspiração, que você fica louca querendo saber quem é bom e quem é mal na história.  Personagens do passado que surgem e  dão um gás a mais na série.
Intersection é uma série que você não conseguirá  assistir a um capítulo apenas!  A cada episódio você  desvendará um segredo e uma intriga. Valerá  muito a pena colocar na lista! 
O único ponto negativo é que na Netflix só tem a metade da Terceira temporada e até agora eu não consegui descobrir se ela vai à quarta ou quinta temporada. Estou ansiosa esperando a Netflix atualizar alguma informação sobre a série .
A única coisa que posso falar para vocês é:  Por favor assistam a essa série! Vocês vão amar e ficarão em síncope! Assim como estou esperando a atualização.

14 comentários:

  1. Admito que não conhecia a série e mesmo não sendo assim tão fã do estilo que a série traz, negócios, gosto demais quando uma série trabalha com dramas familiares.
    Ando em uma fila interminável de séries para ver e me remoendo inteira aguardando a segunda parte de La Casa de Papel.
    Mas vou ver se encaixo essa na filinha..rs
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Não sabia que tinha séries turcas na Netflix, vou dar uma olhada.
    Beijos ^_^

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Acredita que eu não conhecia essa série?
    E olha que eu curto bastante o gênero, vou dar uma olhadinha nela...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  4. Ainda não sabia da existência dessa série na netflix, mas achei muito interessante, já que tem muitas intrigas e segredos, e ainda trata sobre problemas familiares, poder, e dinheiro, coisas que em conjunto acredito que deixam a trama ainda mais envolvente, e cativante.

    Venha participar do Top Comentarista e concorra o livro "O Maravilhoso Bistrô Francês": http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    Venha participar do Top Comentarista e concorra o livro "O Maravilhoso Bistrô Francês": http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Letícia!
    Já anotei aqui, porque não conhecia a série e gosto de filmes diferentes, de outros países, podemos muito conhecer os costumes, cultura e hábtos.
    Valeu!
    Desejo um final de semana esplendoroso e um mês mais que abençoado!!
    “Acredite em si próprio e chegará um dia em que os outros não terão outra escolha senão acreditar com você.” (Cynthia Kersey)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA FEVEREIRO: 3 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. N Gostei da morte de Naz e perdi o interesse em continuar a assistir a serie.

      Excluir
  6. Nunca tinha ouvido falar, é, se vc queria algo diferente acho que encontrou. Não me interessou, gosto mesmo de séries com crimes e/ ou sobrenatural.

    ResponderExcluir
  7. Eu assisti as 3 temporada em menos de um semana e olha que os episódios são pra maia de 2 hrs. Kkk não conseguia desgrudar da tv. Amei... Estou aguardando o desfecho....

    ResponderExcluir
  8. Perca de tempo total. O cara destrói um casamento que já não ia bem. Depois descobre que não ama Naz. E ela ainda morremorre a principal personagem me poupe. Pense em uma raiva que me deu Nojo

    ResponderExcluir
  9. Achei viciante !!!
    Só decepcionada pelo fato de estar incompleta e de não ter notícias sobre a continuidade da série.
    Não gostei de um fato (não darei spoiler mas com certeza você sabe do que se trata ... muito sem sentido aquilo :( mas não me fez desistir da série.
    Queria muitoooooo saber do resto

    ResponderExcluir
  10. Naz tem q goltar..alguma coisa vai fazer pra ela voltar comtudo e ainda mostrar pro ali que é ela a mulher da vida dele

    ResponderExcluir
  11. Naz tem q voltar..alguma coisa vai fazer pra ela voltar comtudo e ainda mostrar pro ali que é ela a mulher da vida dele

    ResponderExcluir
  12. Estou assistindo, estou louca pela série, esse Ali Nejat, que homem e esse ....

    ResponderExcluir
  13. A propósito estou na 3a temporada, estava amando a série e poderia aceitar traquilanente a morte de Naz. Só não aceite a falta de relevância que deram ao amor que Ali e Naz construiram...que acabou mudando no final da segunda. Tudo que Naz fez e a história qye is dois construiram sumiu de repente. A série negligenciou esse aspecto, a trajetória que os dois tinham na série. Trouxe a tona um amor do passado, que não teria problema de ser retomado, mas houve uma descontinuidade de um episódio para o outro. Ali apaixonado por Naz, a pede em casamento, episódios seguintes as coisas do passado o atormentam e do nada td muda. 2a temp episodios 1p, 11 e 12, qual a importância de Naz? Nenhuma. De repebte essa protagonista e tudo que passou nas 2 temporadas quase toda...vai dando lugar a um amor di passado. Percebe-se que a atriz que faz Naz só poderia querer sair da série. Gosto de drama, aceito morte, separações e finais que não esperamos, mas o lugar que deram a personagem Naz na 2a temp ficou estranho. A meu ver não se pode fazer isso com uma protagonista....pois se construiu junto com os telespctadores uma história. Quer separar casal, quer matar protagonista, não quer deixar com final feliz?...ok, td bem...mas dá a devida importância a protagonista, a sua trajetória na série e todos os episódios que foram apresentados aos telespectadores.

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para mim! Me diga o que achou dessa postagem e se quiser que eu visite seu blog, informe o abaixo de sua assinatura ;)