quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Menina que via Filmes: Um Perfil para Dois [Crítica]

Título Original: Un Profil Pour Deux
Título no Brasil: Um Perfil Para Dois
Data de lançamento 9 de novembro de 2017 (1h 41min)
Direção: Stéphane Robelin
Elenco: Pierre Richard, Yaniss Lespert, Fanny Valette mais
Gêneros Comédia , Romance

Nacionalidades França, Alemanha, Bélgica







Reinaldo Barros

Quem nunca paquerou pela internet dê um Ctrl+T e comece agora, ou pelo menos depois de ler o texto aqui. Quando o gênero de filme é Comédia Romântica confesso que já dou uma entortada no nariz e busco outras opções. No entanto Um Perfil Para Dois conquistou alguns pontos para esse gênero e me entreteve de tal modo que até esqueci o meu bloco de anotações durante o filme.

Enquanto vamos conhecendo os personagens temos a sensação de estarmos assistindo um drama, de fato a vida profissional de Alex (Yaniss Lespert) não vai nada bem e o namoro relâmpago começa a perder o brilho, porém basta as aulas de informática começarem para o filme ficar mais leve e divertido.
Alex é um escritor desempregado vivendo de favor na casa de sua namorada Juliette (Stéphanie Crayencour), mas se torna professor particular após a “recomendação” de sua sogra Sylvie (Stéphanie Bissot).
Pierre (Pierre Richard) é um viúvo recluso que passa os dias a assistir filmes de sua falecida esposa, mas começa a retomar o gosto pela vida quando descobre a possibilidade de conhecer alguém pela internet (Algo parecido com Par Perfeito).
Antes do primeiro contato com seu aluno Alex é advertido por Sylvie a não falar sobre sua relação com Juliette, isso porque o futuro aprendiz, Pierre, é o avô de sua namorada, e não concorda com o término da última relação de sua neta. Momentos embaraçosos como esses não faltam e são eles os principais responsáveis pelos risos durante o filme.

    Geralmente nas comédias românticas o protagonismo é exclusivo de uma personagem feminina ou de um casal hétero, assim como nos filmes de ação o protagonismo é masculino, já nesse filme é uma dupla de homens de idades diferentes. Eles compartilham o tal perfil e de certa forma a relação também, nos mostram que são capazes de superar suas inseguranças e de se apaixonar novamente.

*Filme assistido na cabine de imprensa à convite da  da Aliança de Blogueiros do RJ e da Paris Filmes

* Nossos colunistas são voluntários e não recebem qualquer quantia do blog que não tem fins lucrativos.

* A opinião do filme ou das resenhas pertence ao colaborador que se compromete a enviar uma crítica de sua autoria para ser publicada no blog e divulgada nas demais redes sociais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para mim! Me diga o que achou dessa postagem e se quiser que eu visite seu blog, informe o abaixo de sua assinatura ;)