sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Séries que Amamos: Stranger Things 2ª Temporada

Título original: Stranger Things 2
Título no Brasil: Stranger Things 2
Uma produção de Netflix
ano: 2017
Nº de episódios:9
Criadores: Matt Duffer, Ross Duffer
Elenco:
Millie Bobby Brown ( Eleven), Winona Ryder ( Joyce), David Harbour ( Jim Hopper), Finn Wolfhard ( Mike Wheeler), Gaten Matarazzo ( Dustin), Caleb McLaughin ( Lucas), Sean Astin ( Bob)


Essa postagem tem spoilers!!!

Algunas acham que o sucesso em torno de Stranger Things é exagerado, há toda uma comoção em volta do seriado que se passa na década de 80 e a primeira temporada sendo um sucesso claro que todos ficaram apreensivos e com altas expectativas sobre a continuação que era certa.
A verdade é que vicia e para quem viveu na década de 80 - eu era criança mas lembro de muita coisa!- reviver músicas, roupas e cultura é uma experiência incrível, mas a série não é somente isso.
Nos 9 episódios da 2ª temporada temos mais ação, se é que isso era possível. Eleven ( a incrível Millie Bobby Brown) reaparece vivendo há cerca de 1 ano com Hopper ( o ator David Harbour, muito à vontade no papel), o delegado que perdeu sua filha da mesma idade da mocinha faz de tudo para protegê-la das ameaças externas, inclusive daquele que ela chama de Papai e que a gente acha que está morto, ela fala que está morto...mas em ficção nunca se sabe.
Como toda menina de sua idade ela é rebelde, escondida então e não podendo se comunicar com o crush Mike (Finn Wolfhard) ela fica ainda pior, o problema é que cada estouro dela tem muito mais poder do que o de uma pessoa comum, Eleven tem poderes e descontrolada chega a dar medo.














Enquanto isso Will ( Noah Schnapp, esse menino trabalha muito!) continua tendo contato com o Upside Down e seus monstrengos pavorosos, e isso se acentuará mesmo ele tendo sido tirado de lá, alguma conexão bizarra ainda existe em seu corpo para desespero da mulher que entrou no seriado para sofrer mas que nas mãos de Winona Ryder se transformou em uma das melhores coisas da série. Joyce ( Winona) é forte quando precisa, muito mais do que seu filho mais velho Jonathan ( Charlie Heaton) que entrou nessa temporada só para pegar a Nancy mesmo, não teve uma atitude vitoriosa. 
Bob ( Sean Astin) terá um final desnecessário, adoro o ator mas achava que ele merecia algo melhor, ele faz o papel de namorado da Joyce e apesar de ser o cara perfeito, amoroso e destemido lhe deram um fim meio óbvio para juntar talvez Joyce com Hopper, aliás os dois parecem estarem super animados com que isso aconteça na vida real. 
Também entra na trama e espero de verdade que não apareçam mais na 3ª temporada uma tal irmã de Eleven, a que serua a Eight, pelo número tatuado no braço tal qual de sua "irmã", ambas eram usadas como cobaias, mas 8 é na verdade indiana e foi sequestrada em Londres, o papel da moça no seriado não acrescenta muita coisa e seu grupo é risível, cheio de revoltadinhos que ameaçam mas depois querem mostrar que tem bom coração e que a sociedade que não os aceita. Que sono disso zzzzzzzzzzz
A fase revoltada de Eleven logo após rever sua mãe e reencontrar a tal irmã, que só pensa em vingança o tempo todo. Eleven também saberá que seu nome de verdade é Jane, mas claro que ela volta para Hawkins para ajudar os amigos e quase pai dela.
Sim, toda ajuda é necessária em um episódio onde os Dermagogons se reproduzem como Gremlins e somente Dustin em cenas que irritam acha que um deles é fofinho como um cão, mesmo ele sendo devorador do bichinho de estimação de sua família, nã dá para entender esse menino nessa temporada.
O que salva em Dustin ( Gateb Matarazzo) é sua amizade inesperada com Steve (Joe Kerry) que após um pé de Nancy tem as melhores cenas com seu taco espinhoso.
Nancy está como sempre desde o início do seriado, é chata, acho insuportável sua relação tanto com Steve tanto com Jonathan, poderiam aliás sumir esses dois.
Há dois personagens novos, Max ( Sadie Pink) e seu irmão mais velho Billy ( Dacre Montgomery) agitam a temporada, Max vira o crush de Dustin e Lucas e Billy é o Steve da 1ª temporada, o babaca que se acha, sabem? A menina mostra ao que veio e anima os capítulos, mas já li que ele terá um papel crucial na próxima temporada, nessa não serviu de muita coisa não.














Stranger Things é cheio de tantos momentos retrô que eu desanimo quando acaba cada temporada...o final dessa temporada com música lenta na festinha foi para lembrar da minha infância.
É verdade que nem todos tem final feliz nessa temporada, mas o gancho para a próxima é sempre especial, o jeito é rever até o próximo ano, uma pena que demore tanto para vir a próxima temporada. Enquanto isso a gente coloca as outras séries em dia...

3 comentários:

  1. Amoooooo amooooooo amooooo simples assim!
    Já vi inteirinha e já qro mais.... mto mais!!
    Bjs!!!

    ResponderExcluir
  2. Ainda nem vi a primeira temporada, então volto depois de assistir a série ^_^

    Beijos :)

    ResponderExcluir
  3. Raffa!
    Ganhei um presentão das filhotas, instalaram a Netflix ontem aqui e estou toda boda.
    Vou acompanhar essa série que parece fantástica.
    Desejo um mês repleto de realizações e um final de semana de luz e paz!!
    “O que mais me interessa saber, não é se falhaste mas se soubeste aceitar o desaire.” (Abraham Lincoln)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA novembro 3 livros, 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para mim! Me diga o que achou dessa postagem e se quiser que eu visite seu blog, informe o abaixo de sua assinatura ;)