quarta-feira, 16 de maio de 2018

Menina que via Filmes: DeadPool 2 [Crítica]

Título Original: Deadpool 2
Título no Brasil: Deadpool 2
Data de lançamento 17 de maio de 2018 (2h 00min)
Direção: David Leitch
Elenco: Ryan Reynolds, Josh Brolin, Morena Baccarin mais
Gêneros Ação, Comédia , Aventura

Nacionalidade EUA







por Cecilia Mouta

Deadpool volta às telonas dos cinemas ainda mais irreverente do que entrou. O filme começa com uma grande referência ao último filme do Wolverine, então quem não é de assistir a todos os filmes da Marvel talvez fique de fora de algumas piadas. Aliás, quantas piadas! Todos nós sabemos que os filmes da Marvel, muitas vezes, são mais filmes de comédia do que outra coisa, mas Deadpool superou. Na primeira metade do filme era uma piada atrás da outra e eu fiquei me perguntando se o filme ia se basear só nisso. Não conseguia parar de pensar numa entrevista que vi do Ryan Reynolds, que interpreta o personagem principal, dizendo que ele anotava várias piadas para depois colocá-las no roteiro que ele ajudou a escrever. 

Assim, eu não sou fã do universo Marvel, mas eu tinha gostado do primeiro filme do Deadpool. Achei legal a proposta de colocar pra jogo um anti-herói como ele porque às vezes é disso que a gente precisa. Mas na primeira metade do filme eu não pude deixar de me perguntar o que eu estava fazendo naquela sala de cinema. Logo no início do filme um acontecimento importante e dramático acontece e eu achei que a partir dali a trama iria andar. Mas não. O filme continuou só um monte de piada atrás de piada e um monte de besteirol. Mas acho que os verdadeiros fãs da franquia estavam adorando, porque escutei muitas risadas. Pra mim a história fica interessante da metade do filme para o final, quando Deadpool vai para uma prisão de mutantes junto com um garoto adolescente chamado Russel (Julian Dennison), mas que se intitula Firefist - ele solta fogo pela mão. 

Lá, acontece um ataque de um cara que vem do futuro e na confusão toda, Deadpool consegue fugir, mas se vê obrigado a retornar para salvar o garoto. A partir daí a trama ganha bastante fôlego, principalmente com a entrada de novos personagens, em destaque a Domino (Zazie Beetz) - eu amei demais essa personagem. Não vou falar muito depois disso porque não quero dar spoilers. 
Pra quem é fã de Deadpool, o filme é um prato cheio de efeitos visuais, piadas (boas e ruins) e referências com filmes de outros heróis da Marvel. A diversão é garantida.  Pra quem, assim como eu, não é fã do anti-herói, tenha um pouquinho de paciência, porque prometo que depois da metade o filme fica bom sim. Inclusive, gostei mais da segunda parte do filme do que do primeiro filme inteiro. 
No final das contas, Deadpool 2 é um filme que vale a pena assistir se você está procurando um filme pra distrair, dar boas risadas - até das piadas ruins - e de quebra ver boas cenas de ação e boas atuações. 



******************************************************


















por Bianca Silveira

E hoje foi dia de cabine para assistir o tão esperado Deadpool 2.
Nosso mercenário tagarela está de volta e depois do sucesso estrondoso do primeiro filme, dessa vez a Fox não teve medo de arriscar e com um orçamento maior, o que tivemos foi um elenco bem mais extenso e muito mais cenas de ação. Claro que não poderia faltar o humor ácido e politicamente incorreto que tanto fez sucesso e dessa vez parece que a zoeira não tem limites e sobra para todos, desde piadas sobre cultura pop até, obviamente, uma alfinetadinha no universo DC. Então prepare-se para rir do início ao fim, literalmente.
Dessa vez Deadpool terá que enfrentar diferentes desafios, nosso anti-herói favorito assumirá seu papel e rodará o mundo enfrentando vilões, ninjas, a Yakuza e uma alcateia de caninos sexualmente agressivos (Sério, é o que está na sinopse). Em meio a um discurso de um filme para toda a família (O filme recebeu classificação indicativa de 18 anos) cabeças e sangue rolam para todos os lados. Após um momento trágico em sua vida pessoal, Wade se verá obrigado a proteger o jovem mutante Russel, que se descontrola depois de um longo período de abusos por parte da escola especial para mutantes. Para proteger o garoto Deadpool terá que enfrentar Cable, uma espécie de exterminador do futuro, porém o jovem “Connor” da vez pode acabar jogando no time da Skynet.
Sem poder contar com a ajuda de Sarah Connor nem com com os outros integrantes daquele outro grupo que também começa com X, Wade recruta um time de peso e forma o X-Force e acho que já podemos considerar isso uma introdução ao filme paralelo que está previsto para ser lançado no próximo ano sobre esse novo grupo. Caso você não se ligue muito nessa parte só guarde pelo menos esses nomes ou os rostinhos da Domino, BadLam, Shatterstar e do Zeitgeist para já estar familiarizado no próximo filme da nossa querida Marvel.
O filme é cheio de surpresas e reviravoltas maravilhosas. O que já
tinha funcionado no primeiro filme está ainda melhor agora. No entanto o filme não se mantém apenas com comédia e ação, em algumas cenas temos o protagonista mais humanizado e reflexivo por conta de alguns dramas ao longo do filme. Dramas esses capazes de fazerem Deadpool repensar sobre o que é ser herói de verdade e ter uma família, sim temos um amadurecimento dele no decorrer do longa. Se você gosta de cenas pós-crédito nem levante, saia apenas quando começar a próxima sessão, só para garantir que não perdeu nada. Digo isso porque são nelas que Deadpool lança suas suas últimas piadas, as melhores por sinal, tenta corrigir algumas coisinhas e também tenta se redimir de um certo fiasco na carreira de um certo ator que interpretou um outro super-herói verde (se é que você me entende).

* Nossos colunistas são voluntários e não recebem qualquer quantia do blog que não tem fins lucrativos.

* A opinião do filme ou das resenhas pertence ao colaborador que se compromete a enviar uma crítica de sua autoria para ser publicada no blog e divulgada nas demais redes sociais.

*Cabine de imprensa à convite da distribuidora.

3 comentários:

  1. Então..rs
    Eu odiei o primeiro filme,mas por não viver sem filmes e séries, sei que verei essa bomba número 2(nem que for só pra reclamar depois)
    O excesso de piadas me irrita, ainda mais quando são piadas ruins..rs(e sim, eu sou chata pra caramba)
    O orçamento deste segundo filme foi muito alto e tomara que ao menos os fãs, possam curtir, já que a divulgação tem sido feita com maestria.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Olá!!
    Eu tô louca pra correr lá no cinema e assistir, amei o primeiro e sou fã do universo Marvel e claro do fofíssimo do DeadPool.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Eu assisti Deadpool no cinema e esse com certeza irei ver também, estou bem ansiosa para assistir e adorei ver essas notas das críticas, a ansiedade só aumenta, espero gostar muito :)

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante para mim! Me diga o que achou dessa postagem e se quiser que eu visite seu blog, informe o abaixo de sua assinatura ;)